Quem cuida da vida alheia está cuidando pouco da sua, o que é lamentável, porque há tanto trabalho interior a se realizar na busca do nosso aperfeiçoamento, que não nos sobraria tempo para vigiar a conduta do próximo José Carlos de Lucca

Quem cuida da vida alheia está cuidando 
pouco da sua, o que é lamentável, 
porque há tanto trabalho interior 
a se realizar na busca do nosso 
aperfeiçoamento, que não nos 
sobraria tempo para vigiar 
a conduta do próximo
José Carlos de Lucca