Tem palavras que parecem cacos de vidro, mas a gente prefere engolir e se cortar por dentro, do que colocar para fora e ferir alguém.